Curiosidades

Buscar

Curiosidades sobre o idioma italiano



O idioma italiano é um dos mais estudados do mundo devido à sua enorme importância histórica por ser derivado direto do latim vulgar. É o idioma oficial da Itália, do Vaticano, da Suíça e San Marino, sendo a 3ª língua materna mais falada na União Europeia, com cerca de 80 milhões de falantes.


A origem do idioma italiano remonta à época do Império Romano, quando dois tipos de latim eram usados: o latim clássico, falado pelas classes dominantes e usado em documentos, e o latim vulgar, usado pelo resto da população (você pode ler mais a respeito em nosso artigo sobre o latim). Após o colapso do Império Romano do Ocidente, houve uma fragmentação definitiva na unidade linguística da Península Itálica, com as invasões bárbaras causando uma grande mistura de diversas línguas e o latim vulgar. Destas misturas nasceram vários idiomas regionais, alguns falados até hoje, como o napolitano, o toscano e o siciliano, todos derivados do latim vulgar.


Nenhum idioma regional conseguiu se sobressair por muitos anos, até que essa história começa a mudar no século XIV. Dante Alighieri, considerado o maior nome da literatura italiana, escreve sua “Divina Comédia” no latim toscano. Na mesma época, outros escritores toscanos, como Francesco Petrarca e Giovanni Boccaccio, publicam obras que são amplamente divulgadas e lidas. Em 1612, a Accademia dela crusca (que até hoje é a entidade oficial que rege o idioma italiano) publica seu primeiro dicionário, com palavras usadas pelo mesmo idioma. Todas essas obras contribuem para que, quando da unificação da Itália em 1861, o latim toscano acabe sendo escolhido como a língua oficial do novo país.


Na época da unificação da Itália, apenas cerca de 2,5% da população sabia falar italiano. Essa situação mudou com o passar do tempo graças à obrigatoriedade escolar e, posteriormente, a difusão do rádio e da televisão. Hoje em dia, apenas cerca de 5% da população italiana utiliza exclusivamente ou predominantemente o seu idioma regional.

O idioma italiano é conhecido como uma língua expressiva e romântica, de grande beleza e musicalidade. Veja agora cinco curiosidades sobre ele:


Parentes próximos: o vocabulário do italiano é 89% compartilhado com o francês, 88% com o catalão, 82% com o espanhol e português e 77% com o romeno, fazendo de todas essas línguas parentes próximas.


Alfabeto: o alfabeto italiano possui apenas 21 letras, diferente do português, que tem 26. As letras J, K, W, X e Y não estão presentes, aparecendo apenas em palavras estrangeiras e nomes próprios e de lugares. A letra “j”, quando aparece, tem o som de “i”, como no caso do clube de futebol Juventus de Turim, que se pronuncia “Iuventus”.


O primeiro livro: o primeiro romance escrito em italiano foi “I promessi sposi”, de Alessandro Manzoni.


Trava-língua: o italiano tem um “trava-língua” muito conhecido: “Trentatre trentini entrarono a Trento, tutti e trentatre trotterellando”. Isso significa: “trinta e três pessoas entraram em Trento, todos os trinta e três troteando”.


Plural: o italiano não usa o “s” para indicar palavras no plural, mas sim a vogal “i” em substituição à última vogal da palavra. Por exemplo: il giornale => i giornali; il poema => i poemi.


A ProWords tem como um de seus objetivos oferecer sempre o melhor atendimento em tradução para estabelecer uma relação duradoura e de confiança com nossos clientes. Entre em contato e solicite um orçamento.


  • Facebook - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

A ProWords Professional Translations é uma empresa inovadora e que possui uma ótica diferenciada no que diz respeito à prestação de serviços de tradução.
Constantemente investimos em tecnologia e buscamos os melhores profissionais do mercado

COPYRIGHT © 2017 PROWORDS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Feito com ♥ pela NMAdigital